X

Números Governam Sua Vida, Os: A Influência Velada das Probabilidades E da Estatística em Tudo Que Você Faz

Editora: DVS (veja mais livros desta editora)
Autor(es): Kaiser Fung (veja mais livros deste autor)

De: R$ 69,00 Por: R$ 55,20 Em 2x de: R$ 27,60 No boleto: R$ 55,20

Comprar
Em estoque: Previsão de postagem em até 1 dia útil após a confirmação do pagamento, mais o tempo de transporte.
Consulte aqui o valor do frete e prazo de entrega do produto
Opção de parcelamento via cartão de crédito
  • 1x de R$ 55,20 sem juros
  • 2x de R$ 27,60 sem juros
Avalie:

Ficha técnica

Código de barras:
9788588329591
Dimensões:
2.00cm x 16.00cm x 23.00cm
Edição:
1
Editora:
DVS
ISBN:
858832959x
ISBN13:
9788588329591
Número de páginas:
186
Peso:
320 gramas
Encadernação:
Brochura

Sinopse

Qual é a probabilidade de você ganhar na loteria? Por que as taxas de seguro que você paga são tão altas? Como a estatística pode ajudar a evitar um surto de gripe suína? Como os atletas dopados produzem uma dezena de resultados de exames negativos antes de serem pegos? Não se trata de mais um livro sobre mentiras cabeludas e estatísticas. Esse assunto já inspirou trabalhos brilhantes, como o de Darrell Huff, John Allen Paulos, Ed Tufte e Howard Wainer, dentre outros. Do político manipulador ao analista descuidado, do economista amador ao anunciante agressivo, temos infindáveis exemplos do que pode dar errado quando os números são mal utilizados. Escolha seletiva, supersimplificação e ofuscamento - já vimos tudo isso. Este livro toma uma direção diferente, uma postura otimista: o autor está interessado no que ocorre quando as coisas dão certo, isto é, no que ocorre quando os números não mentem. Quanto mais sabemos, mais sabemos que não sabemos O que podemos aprender com Bernie Madoff, o gerente de fundos fraudulento de Nova York que depauperou um grupo de clientes abastados ao longo de três décadas, até o momento em que se confessou em 2008? Ou com os executivos da Enron cuja contabilidade de fachada liquidou os fundos de aposentadoria de milhares de funcionários? Talvez seja necessário saber por que o calhamaço de dados financeiros, extratos impressos e arquivos oficiais deram poucas pistas aos investidores, auditores e agências regulatórias que se deixaram seduzir pela fraude.